O amarelão do vestibular.

O estresse da formatura foi-se esvaindo e agora surgiu outro. O amarelão do vestibular.

Existem várias oportunidades para uma concluinte do segundo grau fugir das responsabilidades. A responsabilidade mais estressante é o vestibular. Estudar para vestibular, prestar vestibular e principalmente enfrentar as expectativas de passar no vestibular. Essas expectativas são tanto maiores quanto as frustrações dos pais nesse aspecto. Se os pais passaram bem no vestibular em sua época, esperam nada menos do que isso dos seus filhos. Se não passaram, esperam que seus filhos se tornem a sua revanche, a chance de se redimir. Eu não passei mas o meu filho sim. É muita pressão no adolescente, concordo.

Mas evadir-se da pressão não resolve o problema. É muito fácil fugir da parada e se essa fuga sai barato, sem ônus para o adolescente amarelão, pode abrir um precedente para futuras fugas a responsabildiades. Qual o papel dos pais nessa hora ?

No caso em particular a filha mais velha, 17 anos, concluiu o ensino médio. Pediu ao pai para inscrevê-la numa faculdade de moda, particular. Ele se recusou e a inscreveu nos vestibulares de escolas públicas com curso de administração. Identificação com o curso ou mesmo ambição em fazê-lo não importam. Essas decisões herdadas também não ajudam na formação dela mas é que estava além do limite.

Ficar na praia e deixar o tempo passar até não ser mais possível se inscrever ou mesmo prestar o exame. Melhor maneira de não fazer uma coisa é não fazer nada.

Comente aqui ou faça uma pergunta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s